10/09/2020 às 07h53min - Atualizada em 10/09/2020 às 07h53min

Homem matou ex-mulher e enviou foto do corpo para filha da vítima, diz polícia de Blumenau

ND Online
Divulgação
A Polícia Civil de Blumenau trata como feminicídio a morte de Margarete Zanella, de 50 anos, ocorrida na manhã desta quarta-feira (9). Segundo o delegado Felipe Orsi, as investigações apontam que ela foi esfaqueada pelo ex-companheiro.

Ainda segundo o responsável pelo caso, após cometer o crime o homem enviou uma foto do corpo da mulher para a filha mais velha da vítima. A imagem teria sido feita e compartilhada com o celular da própria Margarete.

Depois disso, Silvestre da Rosa, de 62 anos, tentou se matar, conforme a análise da polícia. Ele foi encontrado ferido e inconsciente ao lado do corpo da ex-companheira  com ferimentos a faca no pescoço e no peito, e está internado em estado grave.

“Vamos lavrar o procedimento de flagrante, porque ele vai ficar custodiado mesmo no hospital, por feminicídio”, afirma o delegado.

Durante a tarde, o corpo de Margarete ainda passava por perícia no IML (Instituto Médico Legal). Até o momento não se sabe por quantos golpes ela foi atingida, mas a polícia afirma que há marcas de tentativa de defesa nos braços da vítima.

Os celulares do ex-casal foram recolhidos para análise técnica, bem como a faca que estava próxima aos dois. A filha mais velha da mulher, que recebeu a foto da mãe morta, foi a primeira a chegar na cena do crime, de acordo com a polícia. Ela e outros familiares serão ouvidos pelo delegado.

O crime
Por volta das 10h20 desta quarta-feira (9), a Polícia Militar foi chamada para uma ocorrência na rua Sophia Steiethorst, no bairro Água Verde. No local encontraram Margarete Zanella caída no chão sem vida. Ao lado dela estava Silvestre da Rosa, inconsciente e levado em estado grave ao Hospital Santa Isabel. Perto deles havia uma faca.

Testemunhas contaram que os dois estavam separados há cerca de três meses após um relacionamento de 10 anos. Durante a manhã, vizinhos teriam ouvido uma briga e depois a PM foi acionada. De acordo com o delegado Felipe Orsi, a vítima morava na casa com a filha mais nova, mas que não estava na residência no momento do crime. O casal não tinha filhos juntos.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp