23/03/2020 às 08h53min - Atualizada em 23/03/2020 às 08h53min

Indaial adota nova estratégia para a vacinação contra a gripe

P.M.I.
Divulgação
A partir desta segunda, 23 de março, Indaial adere à Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza (Gripe), que tem como público-alvo inicial os idosos com mais de 60 anos e os trabalhadores da saúde. Na cidade, a Secretaria de Saúde irá adotar uma nova estratégia municipal com o objetivo de evitar a aglomeração de pessoas nas unidades.

A vacinação dos idosos será em domicílio, efetuada pelas equipes de saúde com o apoio dos Bombeiros Voluntários, até 15 de abril, todos os dias da semana, das 8h às 19h. Ao ser recebido pelos profissionais, o usuário deve apresentar carteirinha de vacina, cartão SUS e documento oficial. 

“Estamos adotando ao máximo medidas de prevenção necessárias para conter o Coronavírus. Evitar o contato de usuários que estão nos grupos de riscos é uma delas. Por isso peço aos idosos que fiquem em casa e aguardem a vacinação”, destaca o prefeito, André Moser.

Telefones das Unidades de Saúde:

- Unidade Heinz Schutz – Centro: 3317-2100
- Sais (Serviço de Atendimento Integral à Saúde) – Tapajós: 3281-7100
- ESF Remo Wendorf - Ribeirão das Pedras: 3394-8432
- ESF Arthur Keunecke - Estrada das Areias: 3333-4176
- ESF Gunther Ricardo Ebert – Warnow: 3333-4170
- ESF Renato Ferreira de Mello - João Paulo II: 3333-8481
- ESF Nilo de Freitas - Rio Morto: 3394-0541
- ESF Bertolina May Kechele – Benedito: 3333-4173
- ESF Caetano da Silva Porto – Carijós: 3333-4184
- ESF Albert Sabin - Encano do Norte: 3394-0541
- ESF Irineu Kienen - Encano Baixo: 3394-7283
- ESF Márcia Maria Andreatta - Estados (Cohab): 3394-1605
- ESF Adriana Juceli Cattoni – Mulde: 3308-5802

Para dúvidas entre em contato pelo 0800-5555-022 ou pelo número de whatsapp (47) 99966-5925. 

Demais etapas da Campanha 

A partir de 16 de abril serão imunizados professores das escolas públicas e privadas, profissionais das forças de segurança e salvamento e portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais. 

Já a partir de 9 de maio deverão ser vacinadas crianças de seis meses a menores de seis anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), povos indígenas, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos sob medidas socioeducativas, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional e adultos de 55 a 59 anos.

A estratégia de vacinação para esses públicos será organizada pela Secretaria de Saúde conforme avaliação da equipe quanto ao avanço do Coronavírus no Município. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp