09/08/2019 às 10h44min - Atualizada em 09/08/2019 às 10h44min

"COBRADOR DE DÍVIDA" é preso em Flagrante na BR-470

Polícia Civil de Ascurra
Divulgação
A Polícia Civil de Santa Catarina, através da Delegacia de Polícia Civil da Comarca de Ascurra/SC, na data de hoje, 08 de agosto de 2019, próximo às 14h00, prendeu em flagrante delito a pessoa de G.J.S.J pelo cometimento do crime de extorsão majorada, previsto no artigo 158, § 1º, do Código Penal, cuja pena pode chegar a até 15 anos de prisão.

O crime ocorreu próximo às 14h00 no interior de uma empresa localizada as margens da Rodovia BR 470, Bairro Estação, Cidade de Ascurra, quando dois homens chegaram na empresa com um veículo marca Hyundai, modelo I30, cor preta, alegando que teriam "adquirido" uma dívida que seria da proprietária da empresa com um terceiro e passaram a exigir que o pagamento fosse imediatamente realizado mediante a utilização de grave ameaça.

Diante da recusa do pagamento, principalmente pelo fato da vítima sequer conhecer os indivíduos, os autores passaram a exigir que fossem entregues bens no valor da dívida - que segundo eles seria de R$ 100.000,00 (cem mil reais) - bem como que não sairiam da frente da empresa sem levar pelo menos 01 (um) caminhão e/ou 01 (um) veículo de propriedade da vítima.

A vítima durante os fatos conseguiu contato com uma pessoa que acionou a Polícia Civil de Ascurra e de maneira imediata policiais se deslocaram até o local com o objetivo de verificar a existência do crime e realizar a prisão em flagrante dos respectivos autores, entretanto, ao chegar na sede da empresa os autores tinham acabado de sair em direção ao centro da cidade no veículo I30.

Diante das informações foram realizadas diligências por policiais civis lotados no Setor de Investigações Criminais da Delegacia de Polícia Civil da Comarca de Ascurra no centro da cidade e 01 (um) dos autores foi localizado na Rua Dom Bosco, no interior de uma farmácia, momento no qual também foi encontrado o veículo I30 no estacionamento do estabelecimento comercial.

Levando em consideração as informações prestadas pela vítima, as características dos autores e do veículo utilizado, os documentos encontrados no interior do veículo e a confissão do conduzido, o autor G.J.S.J, foi preso em flagrante delito e encaminhado para a Delegacia de Ascurra para fins de realização dos procedimentos cabíveis perante a autoridade policial.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp